Como manter a segurança do seu alojamento

Quais os melhores sites para promover o alojamento
Quais os melhores sites para promover o alojamento
22 Outubro, 2017
Como escolher as melhores empresas para gestão de alojamento local
Como escolher as melhores empresas para gestão de alojamento local
24 Outubro, 2017

Quando se aluga a casa a estranhos, é importante saber como manter a segurança do alojamento, de forma a que não tenha custos e problemas desnecessários (isto além de saber quais são os requisitos mínimos de segurança de um alojamento).

No entanto, a verdade é que muitas pessoas não sabem como o fazer, e acabam por não implementar as normas de segurança mais simples, nem alertar as autoridades em caso de situações suspeitas (seja por medo, por achar que efetivamente não vale a pena, ou simplesmente por achar que está a ser paranoico).

Desta forma, hoje vamos dar-lhe algumas dicas que podem ajudar a minimizar riscos de ser vitima de alguma fraude ou de atividades ilícitas.

Manter a segurança do seu alojamento – Siga estas dicas

Os ataques terroristas ou mesmo a entrada de emigrantes ilegais é um dos principais riscos do século XXI. E, contrariamente ao que possa pensar, a verdade é que os alojamentos locais são muitas vezes apanhados no meio de um fogo cruzado sem se aperceberem.

Desta forma, é essencial manter a segurança do seu alojamento e informar as autoridades sempre que vir alguma coisa suspeita.

Siga as dicas seguintes e ajude a prevenir a preparação de eventos ou acolhimento de pessoas suspeitas.

1 – Esteja sempre atento a tudo o que se passa dentro do seu alojamento (sabemos que nem sempre é uma tarefa simples, mas tente fazê-lo);

2 – Se detetar algo estranho durante o ato de reserva informe as autoridades (como é o caso de desculpas esfarrapadas, diversas alterações de quartos…);

3 – Esteja atento a comportamentos estranhos durante o check in (por exemplo nervosismo extremo);

4 – Se aparecer uma pessoa diferente a fazer o check in do que a pessoa que reservou, tente perceber o que se passa. No caso de a justificação lhe parecer improvável, alerte as autoridades competentes (mais vale prevenir);

5 – Sempre que tiver um hospede que não seja português, solicite sempre a documentação oficial (passaporte ou identificação);

6 – Sempre que possível comunique a entrada de hospedes estrangeiros ao SEF no próprio dia do check in;

7 – Não aceite hospedes no seu alojamento local que se recusem terminantemente a mostrar um documento identificativo;

8 – Para manter a segurança, informe as autoridades no caso de um hospede não lhe mostrar o documento de identificação (quem não tem nada a esconder fá-lo de boa vontade);

9 – Nunca aceite ofertas de hospedes que venham dentro de um pacote ou envelope;

10 – Nunca fique com a bagagem de um hospede à sua responsabilidade (você nunca sabe o que é que poderá estar lá dentro);

11 – Não aceite que os hospedes recebam correspondência na morada do seu alojamento;

12 – Se após o check out for ao apartamento e verificar que o mesmo não foi usado para dormir, é essencial que alerte as autoridades competentes.

13 – Se encontrar bagagens abandonadas ou vir que um dos hóspedes está com um comportamento estranho, informe a polícia.

É importante que siga as nossas dicas e informe as autoridades competentes sempre que achar justificável.

Contudo, mantenha em conta que há situações, como é o caso do check in, em que devido à proximidade poderá ser complicado dar o alarme de imediato.

Nestes casos, aja com naturalidade e assim que o hospede estiver a dirigir-se para o seu quarto, dê o alerta.

Lembre-se que manter a segurança do seu alojamento local implica que mantenha primeiramente a sua segurança salvaguardada.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.