Wall Street Journal classifica Portugal como um bom destino para investir

congelamento de rendas
Parlamento aprova o congelamento de rendas
28 Outubro, 2016
freguesias de Lisboa
Fundo de Desenvolvimento Turístico vai apoiar freguesias de Lisboa
31 Outubro, 2016

O renomado jornal Norte-Americano “The Wall Street Journal” apontou recentemente Portugal como um bom destino para investir. Segundo o jornal, os investidores têm estado a prestar especial atenção ao sector imobiliário de Portugal e Espanha. No artigo publicado recentemente pelo jornal, ficou-se a saber que as cidades mais “quentes” da Europa têm estado a perder um pouco a atenção dos investidores, que encontram-se agora a concentrar o seu interesse em regiões que até à data não eram conhecidas como bons destinos de investimento.

O jornal avança que o investimento europeu caiu consideravelmente no decorrer do último ano, com um investimento total de 43,7 mil milhões de euros no geral, o que representa uma queda de 30% face a 2015. Esta queda foi liderada pelo Reino Unido, em grande parte devido à prudência dos investidores. Também a apresentar um declínio bastante expressivo estiveram a França e a Alemanha.

Apesar dos resultados negativos experienciados na Europa, houve países que viram o investimento subir nos seus mercados, como é o caso da Espanha(6%), Polónia(20%), Países Baixos(9%) e Suécia(9%)

Actualmente parecem existir oportunidades muito aliciantes em Madrid, Barcelona e Lisboa. Ainda que Espanha e Portugal tenham sofrido imenso durante a crise do euro, as rendas encontram-se agora a experienciar subidas bastante expressivas e a economia continua a dar bons sinais de melhoria. A recuperação destes mercados está a torná-los consideravelmente mais aliciantes aos olhos dos investidores.

Apesar de se estarem a tornar destinos muito bons para investir, existem ainda preocupações em toda a Europa, uma vez que o crescimento económico destes países continua a ser lento. Por agora, no entanto, as baixas taxas de juro continuam a atrair cada vez mais investidores para o mobiliário europeu.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.